07 de maio

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
5/04/13 às 14h58 - Atualizado em 8/11/18 às 16h27

Aprovado o fim do calçadão em pedra portuguesa

COMPARTILHAR

O calçadão de pedra portuguesa existente no anel viário do Guará II vai ser substituído por um outro tipo de piso mais apropriado para caminhadas. Foi o que decidiu a maioria absoluta dos 73 presentes na audiência pública realizada quinta-feira (04) no auditório da Administração do Guará. Apenas um morador votou contra a retirada da pedra.

Após mais de duas horas de debates, apenas dois oradores, dos 16 que se inscreveram para falar, defenderam a manutenção do piso do calçadão do jeito que está. Entre os argumentos citados, destacaram “afinidades estéticas”, “símbolo de uma comunidade”, “patrimônio cultural da cidade”, entre outros.

Para os demais, no entanto, o calçadão é inadequado para pista de caminhada. Relataram diversos acidentes ocorridos pelos frequentadores, inclusive com tombos, lesões e fraturas, o custo de manutenção e o medo das pessoas da 3ª idade usarem a pista, entre outras colocações.

Mesmo entre aqueles favoráveis à substituição do piso, muitos sugeriram que as pedras sejam aproveitadas pela Administração em outros locais mais apropriados, como nas praças da cidade que estão sendo reformadas.

Para o administrador Carlos Nogueira, que mediou o debate, cabe agora à Administração adotar as providências administrativas necessárias para que a vontade da maioria dos moradores seja respeitada. Segundo Carlinhos, a Diretoria de Obras deverá definir o tipo de piso que será utilizado e incorporar no projeto básico de engenharia as sugestões apresentadas: sinalização, pintura de faixas de pedestre, recuo das paradas de ônibus, aumento da largura da pista e a supervisão de um técnico especialista em coopervia. Participou também da audiência pública o deputado distrital Wellington Luiz.

Mapa do site Dúvidas frequentes Comunicar erros