27 de julho

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
21/01/14 às 11h40 - Atualizado em 8/11/18 às 16h22

Conselheiros tomam posse

COMPARTILHAR

O salão branco do Palácio do Buriti foi o local escolhido para a solenidade de posse dos membros dos Conselhos Locais de Planejamento Territorial e Urbano do Distrito Federal (CLP), entre eles os representantes do Guará, escolhidos durante a etapa da 5ª Conferência Distrital das Cidades.

Caberá aos conselheiros levar propostas à aprovação do Conselho de Planejamento Territorial e Urbano do Distrito Federal (Conplan) até que os Conselhos das Unidades de Planejamento Territorial do DF (CUP) sejam regulamentados.

O administrador Carlos Nogueira será o presidente do Conselho local e terá a responsabilidade de coordenar o diálogo entre a população e o governo sobre questões relativas ao ordenamento e à gestão territorial no Guará.

Durante a solenidade, o governador Agnelo Queiroz destacou que os conselhos são canais de participação popular. “O destino da nossa cidade depende de todos nós. É mais uma conquista da população. Queremos trabalhar por uma sociedade mais justa, menos desigual e com oportunidade para todos”, ressaltou o governador.

Segundo o administrador Carlinhos, o Guará está bem representado. “O grupo é formado por moradores comprometidos com o desenvolvimento sustentável da cidade e de uma melhor qualidade de vida para todos os moradores”, acrescentando que é importante o governo ter uma ligação direta com os moradores. “Isso será feito de forma eficiente com os conselheiros eleitos, tenho certeza”, afirmou o administrador.

Os conselheiros do Guará são Carlos Sprogis, Cristiane Caldas, Gláucio Cunha, Jefferson Pinto, Karlen Maria Correa, Klécius Oliveira, Luciano Lima, Luis Antônio Villas, Maria Lourdes Coelho e Michele Ferreira.

O CLP é uma exigência do Plano Diretor de Ordenamento Territorial (PDOT) e é a primeira vez, na história do Distrito Federal, que os Conselhos Locais de Planejamento são constituídos nas Regiões Administrativas. Em 1996, embora instituídos por decreto, os conselhos não foram implementados.

Mapa do site Dúvidas frequentes Comunicar erros