28 de julho

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
15/12/16 às 15h45 - Atualizado em 4/02/19 às 15h07

Mutirão contra o Aedes aegypti no Guará

COMPARTILHAR

Ação contra o Aedes aegipty na QE 40
Operação reuniu seis órgãos do governo de Brasília no combate ao mosquito transmissor da dengue, da zika e da chinkungunya

O trabalho de prevenção e combate ao Aedes aegypti ocorre durante o ano inteiro, especialmente em épocas de chuva, em que o mosquito transmissor da dengue, da zika e da chinkungunya tende a aparecer com mais frequência. Pensando nisto, diversos órgãos do governo de Brasília se uniram para eliminar o foco do mosquito nas quadras QE 38,40,42,44 e 46 do Guará.

Dez caminhões da Novacap foram disponibilizados para a ação em conjunto com a Administração Regional do Guará, que recolheu pneus, latas, vasos, material de construção, madeiras, sofás e geladeiras velhas deixadas nas portas das residências conforme orientação dada anteriormente aos moradores e comerciantes da região. Até a tarde de quinta-feira (15), foram retirados 30 caminhões cheios de lixo e materiais inservíveis.  Todos os materiais foram levados para descarte no aterro sanitário da Estrutural. 

A Agência de Fiscalização do DF (Agefis) vistoriou o comércio do Setor de Oficinas, do Polo de Modas e residências nas proximidades com o propósito de identificar locais que ofereçam riscos de tornarem-se criadouros do Aedes aegypti. Em uma dessas visitas, encontrou um local para cultivo de uma jardineira abandonado e com garrafas de vidro jogadas. A Agência notificou o proprietário do estabelecimento responsável para que faça a retirada do lixo e a manutenção do local. O cidadão que for notificado tem prazo de cinco dias para as providências solicitadas. Caso não o faça, fica suscetível a multa, que varia de R$ 74 e R$ 185 mil, dependendo do local, da quantidade e do tipo de resíduo descartado. 

Além de fiscalizar, o objetivo da ação é conscientizar os guaraenses sobre a responsabilidade de cada cidadão no processo de enfretamento ao Aedes aegypti.  Para isso, a Vigilância Sanitária e representantes do Centro de Saúde nº 3 da região administrativa distribuíram panfletos informativos acerca do assunto.

A ação é coordenada pela Secretaria de Saúde do DF, representada pelo Grupo Intersetorial de Planejamento de ações e combate à dengue (GEIPLAN), com o apoio do Núcleo de Vigilância Ambiental e do Centro de Saúde n°03, todos com atuação no Guará.

A participação de todos é fundamental para combater esse mosquito!

Mapa do site Dúvidas frequentes Comunicar erros