30 de julho

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
5/02/21 às 9h52 - Atualizado em 5/02/21 às 9h52

Tampas de ferro são repostas em bocas de lobo no Guará II

COMPARTILHAR

Material tinha sido furtado e bueiros abertos eram um risco para moradores do Guará II

Circular de carro pelas novas quadras do Guará, região conhecida como Cidade do Servidor, era um perigo. As tampas de cerca de 60 bocas de lobo das QEs 48 a 58 tinham sido furtadas e os bueiros abertos nas ruas traziam riscos para veículos e pedestres que trafegam por ali diariamente. Agora, porém, as tampas de ferro estão sendo repostas em uma ação envolvendo o GDF Presente, a administração regional e a Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap).

Os bueiros abertos se transformaram em buracos profundos. “Se um carro caísse nos buracos ia estragar muito porque era bem fundo”, conta o coordenador do Polo Central do programa, Luciano Almeida. Agora, para evitar novos furtos, as tampas estão sendo reforçadas com massa asfáltica. “A gente tinha acabado de fazer a troca das tampas danificadas”, afirma a administradora Luciane Quintana.

Naquela localidade, o governo vem realizando uma série de serviços. Esta semana, em apenas um dia, juntamente com o Serviço de Limpeza Urbana (SLU), as equipes recolheram 100 toneladas de entulho, pneus e inservíveis de uma área pública usada irregularmente como transbordo. “O SLU recolhe lixo aqui três vezes por semana”, diz o coordenador do Polo Central.

A administradora do Guará faz um apelo para que a população descarte os rejeitos, especialmente os pneus, no Papa Entulho, que fica próximo à feira do Guará. “É preciso haver uma conscientização dos moradores, o pneu acumula água das chuvas e pode ser um criadouro do mosquito da dengue”, pede. “Nosso papa entulho é bem localizado, em uma região central da cidade”, ressalta.

O Polo Central também fez a limpeza das ruas do bairro Lúcio Costa. Em um dia foram recolhidas 20 toneladas de entulho e inservíveis, além de operações tapa-buracos em várias quadras. Só na QE 28, foram usadas 2.680 toneladas de massa asfáltica.

Mapa do site Dúvidas frequentes Comunicar erros