17 de outubro

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
17/12/13 às 12h32 - Atualizado em 8/11/18 às 16h22

Saúde da Família chega a cidade

COMPARTILHAR

O Guará ganhou a primeira equipe do programa Estratégia em Saúde da Família (ESF). Os profissionais estão trabalhando no Centro de Saúde nº 3, localizado na QE 38, no Guará II.

A equipe atenderá uma população de 3,5 mil pessoas, nas quadras 32 a 46, IAPI, Bernardo Sayão e o Polo de Moda. Charmene Menezes, da Diretoria de Atenção Primária à Saúde (DIRAPS), destaca que o novo trabalho mudará a forma de relacionamento dos pacientes com o médico.

“O programa Saúde da Família é diferenciado porque trabalha o indivíduo na sua integralidade e ainda aborda outros aspectos que fogem à consulta tradicional. Ele aborda, pontualmente, a queixa do paciente, mas investiga o que pode estar causando aquela doença e pergunta sobre as pessoas que moram com ele”, afirma Charmene.

Atualmente, o C.S nº 03 conta com o Programa Agentes Comunitários de Saúde (PACS), que monitora a família por meio de visitas domiciliares. Com o ESF, a cobertura será integral, proativa e com atendimento completo. Serão realizadas consultas, pré-natal, visitas domiciliares, aferição de pressão e glicemia, atendimento ao hipertenso, entre outros procedimentos.

“O nosso foco é buscar esse paciente e trabalhar a prevenção, ensinando o autocuidado também. O paciente tem que entender que é corresponsável pela sua saúde e não esperar só o tratamento médico”, lembra a diretora.

A equipe do Saúde da Família é composta por um médico de família, um enfermeiro, um auxiliar de enfermagem e agentes comunitários de saúde. O programa ESF é entendido como uma estratégia de reorientação do modelo assistencial. Essas equipes são responsáveis pelo acompanhamento de um número definido de famílias, localizadas em uma área geográfica delimitada. As equipes atuam com ações de promoção da saúde, prevenção, recuperação, reabilitação de doenças e agravos mais frequentes, e na manutenção da saúde dessa comunidade.

A DIRAPS tem o projeto de criar dez equipes só na área de cobertura da unidade de saúde, que hoje atende 34 mil pessoas.

(B.F./M.D/Agência Brasília)

Mapa do site Dúvidas frequentes Comunicar erros